Digite seu e-mail abaixo, e alavanque sua vida – e seu negócio – para o próximo nível!
* Anti-SPAM: Seus dados nunca serão vendidos nem repassados para terceiros.

Negócios Produtividade Vídeos Diários

Uma Solução Prática para Quem vai Trabalhar como Freelancer

Por

Um desafio para quem vai trabalhar como freelancer pode ser o não pagamento por suas atividades realizadas.

Isso ocorre quando quem delega as tarefas não passa o dinheiro conforme o combinado.

O contrário também pode ocorrer, ou seja, quem presta serviços não receber pagamento por não realizar as tarefas.

E para minimizar esses riscos, existe um recurso que pode fazer a mediação entre as duas partes.

Leia artigo até o final caso você se adequa em uma das seguintes situações:

  • Trabalhar como freelancer sem correr o risco de não ser pago; ou
  • Procurar lugares para contratar terceiros de forma segura.

Uma Solução Prática para Quem Vai Trabalhar como Freelancer

Existem duas maneiras de se trabalhar como nômade digital, uma é sendo empreendedor e a outra é como freelancer.

Várias dúvidas foram respondidas aqui no blog, como neste artigo sobre trabalho remoto e também neste sobre nômades digitais.

Hoje vou responder uma dúvida que foi postada no vlog diário, no que diz respeito a contornar a inadimplência quando a pessoa vai trabalhar como freelancer.

Embora a dica seja para quem presta serviços de forma independente, é válida para quem quer contratar serviços de terceiros.

Afinal, estamos falando de um projeto maior e, para que ele seja tocado para frente, é preciso compromisso de ambas as partes.

Assista o vídeo:

Como contornar a inadimplência quando se atua como freelancer?

Na minha experiência, nunca trabalhei como freelancer, porém já contratei serviços de pessoas de diversos países.

Vietnã, Camboja, Estados Unidos, Rússia, Indonésia, Filipinas e Índia são alguns deles.

Para se trabalhar como freelancer é ideal utilizar uma plataforma que faça o intermédio da comunicação e dos pagamentos entre o contratante e o prestador de serviço.

Quando o empregador decide contratar terceiros é possível estabelecer uma meta, qual é a tarefa a ser feita e qual o prazo de conclusão.

Também o freelancer define o preço a ser cobrado.

Isso é importante porque, nesse momento, o empregador adiciona um montante na plataforma, que ficará retido até que a tarefa seja concluída.

Isso protege tanto o contratante quanto o freelancer.

Caso a tarefa esteja incompleta ou não seja concluída, o valor ficará retido no site e o contratado não receberá pagamento.

Se não for o caso, o valor será repassado a quem presta serviço, conforme combinado.

Assim tem mais segurança tanto para quem presta serviço como para quem vai contratar freelancer.

Os dois lados saem ganhando.

Plataformas para contratar freelancer

Ao se contratar serviços de terceiros, há duas possibilidades.

A primeira é entrar em contato diretamente com quem irá prestar o serviço e combinar as tarefas a serem cumpridas, os prazos, as metas e o preço.

Esse meio é um tanto quanto arriscado, exceto quando já se conhece mais a pessoa e possui confiança em seu trabalho.

A outra maneira é contratar freelancer por meio de uma plataforma que fará a intermediação entre contratado e contratante, incluindo os pagamentos.

Uma das que recomento é a Freelancer.com, que oferece serviços de diversas nacionalidades.

Caso você esteja no Brasil, há outras opções, como o Workana.

As plataformas citadas acima reúnem profissionais de diversas áreas, porém existem outras que são voltadas para serviços mais específicos.

E em muitos sites de freelancers há uma avaliação feita por quem já contratou, bem como o tempo médio de entrega do serviço.

Considere isso quando for delegar tarefas, assim você já tem uma certa referência.

Concluindo…

Utilizar plataformas para prestar serviços é o caminho mais prático tanto para quem quer trabalhar como freelancer como para quem deseja terceirizar tarefas.

É bom para quem é contratado, pois não há risco de inadimplência se houver tarefa concluída dentro do prazo.

Também é vantagem para quem contrata, por minimizar os riscos de perder dinheiro e ter uma garantia quanto às metas propostas.

Por isso, as plataformas fazem a mediação entre as partes, facilitando todo o processo de forma que ninguém saia prejudicado.

Se algum site de freelancers não corresponder ao que você procura, basta encontrar outro.

Um forte abraço e vejo você em algum lugar do mundo!

Em prol do seu sucesso,

Marcus Lucas - Assinatura  

“Não importa o que fizer na vida, rodeie-se de pessoas inteligentes que argumentarão com você.” – John Wooden

Fique Atualizado, É 100% Grátis!

Gostou deste artigo? Então digite seu e-mail para receber atualizações:

Você já teve experiência em trabalhar como freelancer ou já precisou terceirizar tarefas de algum projeto seu? Comente abaixo e compartilhe sua experiência conosco! 🙂

ARTIGOS RELACIONADOS
MARCUS LUCAS
KOH SAMUI, TAILÂNDIA

Marcus Lucas, além de Mestre em Sistemas de Informações Globais e Telecomunicações pela Waseda University, Japão, é empreendedor digital nômade e autor, apaixonado por automação de negócios e lifestyle business.