Digite seu e-mail abaixo, e alavanque sua vida – e seu negócio – para o próximo nível!
* Anti-SPAM: Seus dados nunca serão vendidos nem repassados para terceiros.

Aprendizado Mentalidade

Você já se Sentiu um Fracassado? Veja Isso Agora Mesmo…

Por

Quando alguém que se sente fracassado tem a impressão de que chegou ao final, por não cumprir o que se propôs. Essa situação lhe parece familiar?

Também é muito provável que você já tenha passado por um momento desse ou que conheça alguém que se sentiu assim por não conseguir superar um desafio.

Diante de uma meta não cumprida ou de uma barreira não superada, surge aquele sentimento que não conseguimos dar conta do que inicialmente foi proposto.

Como já foi dito neste artigo, aqui mesmo no Libertação Digital, quando aparece um sentimento de que algo não foi realizado não quer dizer que as coisas acabaram.

Muito pelo contrário, é preciso encarar o fracasso de uma outra maneira.

Se você já se sentiu fracassado, seja em negócios online ou em outros aspectos de sua vida, este artigo foi feito pensando em você!

Veja Agora: Você Já Se Sentiu Um Fracassado?

Conforme inúmeras vezes mencionado, ter seu próprio negócio online, ou mesmo trabalhar para outros projetos na Web é fator bastante facilitador.

Isso porque a Internet lhe proporciona um leque de oportunidades, fora o fato de poder viajar o mundo e trabalhar de onde quiser, garantindo a vida com que você sempre sonhou.

Mas como se sabe, nem tudo é paraíso, e em toda história, existe um antagonista.

Neste caso, podemos dizer que o inimigo se chama fracasso, e por vezes, também depende de nossa própria mentalidade para que se possa fortalecer e derrubar o que construímos até aqui.

Assista o vídeo abaixo e anote os pontos principais. É um vídeo curto, porém com ótimas lições:

Coloque esse vídeo no seu site (copie e cole o código HTML)

O sentimento de fracassado aparece quando um desafio nos é proposto e não conseguimos superá-lo.

Também aparece quando não conseguimos atingir uma meta, devido à existência de diversas variáveis, sendo que algumas delas não temos controle.

Neste vídeo, você aprenderá um pouco mais a respeito deste “vilão” dentro dos negócios digitais e formas de se acabar com ele pouco a pouco, ultrapassando as barreiras que lhe possam ser colocadas à frente.

Você pode aplicar os princípios mostrados não apenas em negócios digitais como em qualquer outra área: relacionamentos, saúde, trabalho offline…

Estes são os principais temas abordados no vídeo:

  • Fatores que podem fazer alguém se sentir fracassado;
  • Importância da autoestima e da mentalidade positiva, como variáveis que interferem significativamente nos resultados atingidos;
  • Maneiras de lidar com o fracasso e tentar reparar erros anteriores;
  • E vários outros…

O fracasso não é o fim. Sabia disso?

Talvez o que faça mais alguém se sentir fracassado seja um sentimento de impotência, de não cumprir uma determinada tarefa, não superar um desafio ou não concluir um objetivo.

Quando damos demasiada importância ao fracasso é que ele surge com maior força.

Além disso, é muito mais cômodo reclamarmos de algo que não deu certo do que verificar qual foram os motivos que fizeram para que não chegássemos ao resultado esperado.

Para lidar com esse sentimento, precisamos fortalecer nossa autoestima de forma que, quando não dermos conta de algo, possamos compreender que isso foi um aprendizado e não uma derrota.

Algumas perguntas devem ser feitas para analisar a situação, como por exemplo:

  • Houve um planejamento adequado?
  • Se sim, as atividades foram de acordo com o planejado?
  • O que deu errado e onde é possível melhorar?
  • O que não fazer das próximas vezes?
  • Qual foi o aprendizado obtido?

Essa é a mensalidade correta para se lidar com o fracasso.

Também é fundamental analisar não apenas o momento, mas todo o processo.

Ter conhecimento dos pontos fortes e dos pontos fracos que podem ser melhorados vai ajudar a fortalecer a mente e perceber que o sentimento de fracassado é um momento de aprendizado.

Anotar o que foi feito e aprendido ajudará a ver que há muito mais positivo do que um momento que algo não deu certo.

Em se tratando de negócios digitais, uma maneira de lidar com fracasso é verificar quais foram os gargalos que surgiram ao longo do tempo.

Aplicando-se as perguntas acima, podemos verificar qual é o resultado atual, o que aprendemos e também o que poderemos evitar, para que o negócio cresça no futuro.

Conclusão

Se houve algum resultado abaixo do esperado, reclamar não é a melhor solução.

O mais importante não é deixar o sentimento de fracassado abater sobre você. Lembre-se que é algo apenas momentâneo, é um instante para aprendizado.

Desistir diante de um fracasso não é o melhor recurso, pois irá mostrar apenas um estado de fraqueza seu.

Analise o que você aprendeu, as parcerias que conseguiu, os eventos que participou… tudo isso contará muito mais do que apenas um instante que alguma coisa não deu certo.

Cada conquista e cada vitória merece ser comemorada.

Se você chegou até esse ponto, já é um resultado e tanto!

Por que não melhorar esses resultados?

E para continuar…

Abaixo estão três simples coisas que você pode fazer agora mesmo:

  1. Cadastre-se no nosso canal do Youtube (clique aqui) para receber nossos vídeos de forma prioritária e gratuita;
  2. Participe, contribuindo com as discussões e comentando abaixo do artigo;
  3. Se gostou do artigo e ele fez sentido para você, compartilhe-o nas redes sociais para ajudar que outras pessoas não tenham o sentimento de fracassado e vejam mais como um aprendizado.

Espero que este conteúdo tenha sido útil e faça sentido a você! 🙂

Em prol do seu sucesso,

Marcus Lucas - Assinatura  

“Eu não fracassei. Só descobri 10 mil maneiras que não darão certo.”
Thomas Edison

Sua Transcrição: Você Já Se Sentiu Um Fracassado? Veja Isso…

Marcus Lucas: Olá! Você está no canal Libertação Digital: o lugar para você alavancar o seu negócio e o seu estilo de vida ao máximo!

Eu sou o Marcus Lucas, aqui em Bali, nos terrenos com arroz. E hoje a gente vai conversar um pouco sobre um assunto um tanto quanto delicado, que é fracasso.

Eu recordo que no ano passado (ano de 2014), eu fui no Afiliados Brasil: um evento sobre marketing digital fantástico…

E eu comentei sobre um caso de que eu tive uma cliente que, em qualquer desafio novo, ela barrava, e ela mandava uma mensagem de SAC para a nossa equipe.

E naquele tempo, eu ainda fazia boa parte do SAC sozinho, então, toda vez em que ela mandava uma mensagem, a gente tentava responder o quanto antes.

Até que eu tive uma ideia de esperar um pouquinho, esperar alguns dias, para ver se ela tomava alguma atitude para tentar atingir aquele objetivo: para tentar fazer por si só aquele objetivo.

E depois de 2 dias, ela enviou uma outra mensagem, dizendo que estava frustrada, e o interessante foi que ela mandou um e-mail um tanto quanto pesado e longo…

Em que ela falava que sempre tinha sido uma fracassada na vida dela, na vida inteira, e que não conseguia fazer nada sozinha. E era uma das mensagens que realmente tocava um pouco o nosso coração.

Quando a gente lia para ver em que momento de mentalidade aquela pessoa se encontrava, e até que no final, ela falou uma coisa muito interessante:

Ela falou que ela recém tinha sobrevivido ao câncer, ao tratamento de câncer, ela passou e estava saudável, e que mesmo assim, ela iria continuar buscando outras possibilidades e oportunidades.

Aquela mensagem foi uma coisa que me tocou muito.

Eu me lembro até hoje, porque muitas vezes, a gente já passou por coisas, nós sobrevivemos a coisas difíceis, e mesmo assim, a gente não se dá valor, não é?

Tem vezes em que eu falo que cada vez em que a gente se sobressai em um desafio, que a gente consegue se sobressair a qualquer tipo de desafio na nossa vida, a gente tem que se dar um tapinha nas costas e reconhecer esta vitória.

E eu gosto muito, quando a gente fala sobre fracasso, de uma frase do Tony Robins. Ele fala que “Não existem fracassos, existem resultados”.

Se a gente pensar que, por exemplo, se alguém começou uma empresa no ano passado e não deu certo, o que pode causar um trauma em muitas pessoas este tipo de eventualidade, a gente pode simplesmente parar e nunca mais tentar fazer aquilo…

Mas se a gente vê como sendo um resultado, a gente pode analisar o porquê que aquilo não deu certo, por que aquela empresa, de certo, não sucedeu?

Analisar de uma forma, dar um passo para trás, de uma forma um tanto quanto fria, e ver o que poderia ter sido diferente para chegar em um resultado melhor.

Então, gosto muito desta frase que não existe fracasso, existem resultados, e assim, a gente pode ver os resultados que a gente obteve.

Pode ser uma estratégia de negócios, pode ser uma parceria de negócios, pode ser até relacionamentos, e analisar o que a gente fez errado…

Para que, no futuro, nós ajeitemos as velinhas do nosso barco e percorramos o caminho certo.

Sempre quando alguma coisa acontecer na sua vida, que obviamente, todo mundo passa por momentos de desespero, por momentos difíceis também, é bom a gente parar para pensar e só analisar, que aquilo ali talvez seja um resultado, caso a gente não tenha controle sobre as variáveis.

A gente não tem controle mesmo, mas em algumas, a gente tem.

E a gente pode analisar quais foram as variáveis, e assim, a gente pode ter mais controle para que, no futuro, aquele evento não aconteça de novo.

Obviamente, não são todas as situações, como eu falei.

Quando tem variáveis que a gente tem algum certo nível de controle, isto é possível fazer, principalmente em negócios também.

Por exemplo, analisar parcerias passadas que não deram certo, plotar o porquê disto: Será que foram muitos parceiros?

Talvez uma quantidade de sócios, que eu já vi empreendimentos com 5 sócios que não estavam em sincronia e acabaram falindo.

É bom sempre a gente minimalizar os riscos, pensando no passado, não como fracasso, mas como experiências, e assim, a gente pode melhorar e plotar um futuro mais próspero e abundante também.

Esta foi a mensagem de hoje: que não existe fracasso, e sim resultados, e assim, a gente pode analisar e melhorar, e partimos para frente, com uma maior possibilidade de acerto.

Eu sou o Marcus Lucas. Se gostou, se inscreva no canal, e vejo você em breve! Um forte abraço!

Fique Atualizado, É 100% Grátis!

Gostou deste artigo? Então digite seu e-mail para receber atualizações:

Gostou das dicas passadas neste artigo? Você já passou por momentos em que se sentiu como fracassado? E como você agiu nessa situação? Comente abaixo, sua participação é muito importante! 🙂

ARTIGOS RELACIONADOS
OSAKA, JAPÃO

Marcus Lucas, além de Mestre em Sistemas de Informações Globais e Telecomunicações pela Waseda University, Japão, é empreendedor digital nômade e autor, apaixonado por automação de negócios e lifestyle business.

Assine nosso Canal do YouTube!

Assine para receber novos vídeos quando postados no Canal:

Instagram
  • Você já se imaginou criando algo pela internet que permita com que você possa trabalhar de casa ou de qualquer lugar do mundo?Há 10 anos atrás arrisquei criar algo próprio do zero, praticamente enquanto joguei no lixo dois diplomas (um de graduação e outro de mestrado). .E, naquele processo de arriscar, escutei muitos amigos e entes queridos me chamando de louco.Felizmente, apesar dos erros também vieram os acertos.E aqueles que me chamaram de louco agora estão enfurnados em um escritório trabalhando, muitos sendo mal pagos, enquanto posso viajar o mundo e trabalhar em projetos que eu tenho paixão.Portanto, seja louco, meu amigo.#nomadedigital #nomadesdigitais #ganhardinheiroonline #negociosdigitais #empreendedores #negocioonline #viajantes #templos #kiyoto #japao #culturajaponesa
  • Nunca pensei que poderia estar em uma das melhores formas da minha vida aos 35 anos..É quando percebemos novamente que o poder está na nossa mente..Seja para melhorarmos nossa saúde, corpo, relacionamentos ou negócios..Não desista, persista. Você é sensacional!.#osaka #saude #saudeemocional #fitness #transformacao #nomadesdigitais #japão #mudançadevida #mudançadehábitos #academia #nopainnogain #jejumintermitente
  • Such a cute temple. #temple #japan #namba #religion #osaka #spirituality #japanesetemple
  • Study hard play harder. The only westerner in our class. #japanese #japaneselanguage #osaka #osakajapan #japan #language #languagelearning #classmates #classmate #international #internationalfriends

Follow Me!

Fique Atualizado!

Digite seu e-mail abaixo e receba nossas atualizações gratuitamente: